O blog
Dizem que falar aos cotovelos é ruim. Dizem que expressar opinião é ótimo em alguns casos. Unindo ambas as coisas essa pequena garota irá tentar defender as suas próprias opiniões de coisas cotidianas, valhas ou às vezes inúteis; passando o tempo aqui, vendo as horas voarem e digitando descontroladoramente palavras aleatórias, porque isso sim é de sua natureza.

Quem
Gabriela Andrade, uma senhorita com 24 anos vividos de misturas sentimentais, questões polêmicas, questionamentos utópicos sobre o mundo, englobados em torno de muitas confusões. Anseia por um futuro melhor, mas se saberá o que será do temido e exasperado amanhã?

Arquivo
06.09 / 07.09 / 08.09 / 09.09 / 10.09 / 11.09 / 12.09 / 01.10 / 02.10 / 03.10 / 04.10 / 08.10 / 09.10 / 10.10 / 11.10 / 12.10 / 01.11 / 02.11 / 03.11 / 04.11 / 05.11 / 07.11 / 08.11 / 09.11 / 01.12 / 02.12 / 03.12 / 04.12 / 07.12 / 09.12 / 03.13 / 07.13 / 11.13 / 01.14 / 01.15 / 02.15 / 03.15 / 07.15 / 01.17 / 09.17 / 10.17 / 11.17 / 01.18 / 02.18 / 04.18 / 08.18 /


Dezoito
Comentários (4) // sábado, 21 de janeiro de 2012

Dezoito que é igual a vida,
que traduz anos de espera,
um mapa à liberdade,
a entrada para uma nova era.

Dezoito agonia,
alegria de viver?
Dezoito baladas que não serei mais barrada.
Dezoito passe-livre, catraca giratória.
Dezoito olá pra bebidas sem nenhuma restrição.
Dezoito carteira de motorista,
carro na garagem,
obrigações à porta.
Dezoito: sou maior!
Dezoito, compra do próprio nariz?

Dezoito tanta coisa,
tanta comemoração
tanta ansiedade
que prefiro um dezoito-biscoito.
Sem nenhuma grande mudança,
novidade ou festança.
Dezoito: ainda sou criança.

P.S.: texto bobo do dia em que os 18 apareceram na minha janela (céus, faz tempo!)
Imagem: daqui

Marcadores: ,